Pular para o conteúdo principal
"Ai ele termina com você. Sem motivo, sem razão. Seu mundo acaba, sua vida parece não ter mais sentido e você fala que só Deus sabe a dor que se passa dentro de você. Todas as conversas, risadas, brincadeiras e manias passam por sua mente como uma lembrança distante. Daquelas que nos fazem querer ficar sentado na frente da TV como um “Vale a pena ver de novo”. Seu coração aperta, só de saber que não se falarão como antes. Não vai ter mais mensagens de madrugada ou beijos roubados. Tudo isso agora faz parte de um passado que você não esperava pra sua vida. Você acha que não consegue viver sem ele, até viver. Você acha que o amor dele era incondicional, até amar outra pessoa. Você acha que nunca vai sorrir na vida, até sua amiga fazer algo idiota. Você acha nada tão importante quanto ele, até alguém te lembrar o quanto você é especial. O tempo vai passar e ele vai ficar pra trás, assim como tantos outros amores covardes. Que não amaram com a coragem que muito homem não tem. Aquela coragem que te tira a fala, aquela que se tem tanto pra falar, que é preferível fazer. Aquela coragem de tocar várias por uma só. O tempo vai passar e você vai entender que aquilo não era amor. Mas te enganou direitinho. O tempo vai passar e ele vai voltar a conversar com você, querendo relembrar das conversas, risadas, brincadeiras e manias. Que você, com muita sorte, lembrará. Não com um ar de saudade de volta, mas com a saudade de um tempo que se foi. Dizem que tudo que vai volta, volta na mesma intensidade com que foi. Só que ele voltou, em “tempos diferentes”. Agora, você já está em outras conversas, risadas, brincadeiras e manias."

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

É, não estou nem aí mesmo, me processe.